domingo, 4 de setembro de 2011

Parar de Fumar - Diário de uma viciada - dia 3 - Missão impossível.


As vozes me deram uma folga hoje.
Por outro lado, pude notar quantos segundos tem um minuto, quantos segundos tem uma hora, quantos segundos tem um dia.

Não consegui fazer nada a tarde. Não foi possível me concentrar em nada. Nem era por vontade de fumar. Era por distração. Não lavei roupa, não fiz comida. nem tenho certeza que existi...

Mas, pelo menos consegui chegar às 16h, sem vozes e sem companhias estranhas.

O psiquiatra falou que preciso de endorfina. Auxilia no processo. fiz o possível. Depois agarrei o chocolate. não soltei mais. O gengibre acabou. Ele acalma a ansiedade e supre a necessidade de estimulantes do organismo.

Às 17h as vozes chegaram, inicialmente em velocidade zero. tranquilas. apenas me lembrando que eu não fumei hoje. Lembrei da minha amiga que já parou de fumar falando: Isso passa.. parece que não, mas passa. tenha certeza.
Até as 19h, as vozes chegaram mais fortes na minha cabeça. mais gente dizendo pra eu fumar. está na hora. a palavra cigarro, a cor cigarro, a imagem cigarro, o cheiro cigarro, o tato do cigarro... tudo cigarros.

Meu amado comentou que ontem meu halito estava estragado, mas hoje, parece estar bem.

Continuo pedindo cigarros a qualquer um que vá sair de casa. Felizmente, ninguém traz.

Guardei a carteira que fumei ontem. Tirando da vista, finjo que ela não existe.

As 20h, o desespero ligou, avisando que ia chegar... Quero dizer, a fissura começou a ficar intensa. Fui tomar um banho, me vesti e saímos. fui conhecer o deck novo do lago. Fomos e voltamos a péis... Meu amado acha que sou atleta, na volta, deixei algumas gotas do meu suor no caminho. A caminhada foi cansativa, mas também revigorante. estou chegando as 22h, ainda não fumei. Acho que não vou fumar hoje.

Estou esperando a pizza chegar e assim que comer, pretendo ir dormir.

O desespero está atrasado, graças aos deuses! Talvez seja por causa da minha caminhada. Se eu dormir cedo, acho que vou encontrá-lo só amanhã.

Tá difícil de eu achar algo bom. Mas vou tentar. A caminhada foi pesada e eu suportei de boa. Meu nariz está descongestionado. Meio ardido, mas limpo.

Não tem cigarro nem fumaça na casa. Acho que os gatos estão respirando melhor...

Meu amado falou que o gosto da pele também mudou. Está melhor.

Continuo tossindo bastante e com bastante muco. Minha vó sempre disse que tosse seca é ruim, tosse com muco é bom.  O muco tira a sujeira. Parece que meu pulmão está querendo/tentando ressuscitar.

É isso, continuarei contando quantos segundos a mais uma hora pode ter.

Me preparando para o dia 4.

Quando voce sair, pode trazer um cigarro pra mim?